segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Mostra Internacional de Vinhos em Campinas declara os vinhos Top 5 da feira.




Meninas e meninos,
Finalmente neste dia 17 de Setembro, um sabadão com céu de brigadeiro, aconteceu a esperada 6ª MIV Campinas.
Nesta edição, onde fui jurado dias antes para a escolha dos melhores vinhos representativos da mostra, eu e meus colegas de júri, composto por nomes que muito me envaidecem pela representatividade que têm e pelo notório saber, escolhemos os melhores vinhos nas categorias espumantes, vinhos tintos Brasileiros e tintos importados.
Aproveito aqui para em tom mais firme asseguras que as importadoras vivem reclamando que nós, Brasileiros, não bebemos vinhos brancos e rosados, coisa que deveria ser natural, para um país como o Brasil, de temperaturas médias elevadas o ano todo, em todo o vasto território.
Eu mesmo, já por infinitas vezes postei sobre o tema, sou defensor fanático dos vinhos brancos, dos rosados e espumantes, tão mais adequados para nosso clima, do que os vinhos mais encorpados e alcoólicos, como costumam ser os tintos.
Mas constato com certa tristeza que os exemplares enviados, o foram em sua imensa maioria tintos, afora uma honrosa exceção, amostra enviada do belo vinho da vinícola do Dão Casa de Darei, importado pela Porto Mediterrâneo, que aqui, pela “coragem”, visão comercial e, no meu ponto de vista, visão educacional e cultural corretas, presto minhas veementes homenagens. Às outras importadoras e vinícolas, tenho só a lamentar a falta de visão de não terem pensado de modo mais educacional, em que pese não termos tido pela organização, a categoria brancos, coisa, aliás, que aqui conclamo ao Bruno Vianna e Midory, a pensarem para a próxima edição.
Ganhadores:
Espumantes-1º-Casa Valduga 130-Vinicola Valduga

Vinhos Tintos do Mundo:
1º-Finca Agostino Blend 2008-Importadora Vinho Sul

2º-Viña Tarapacá Tarapacá Gran Reserva 2009-Importadora Épice
3º-Torre de Oña Finca San Martin Crianza 2008-Importadora Zahil

4º-Vega Sauco Piedras Crianza 2006-Importadora Ravin
Vino Top Brasil Tinto-Salton 100 anos 2008-Vinicola Salton
Júri composto pelos amigos:
Arthur Azevedo
Bruno Vianna
Daniel Mantoanelli
Diego Arrebola
Gustavo de Paula Andrade
José Luiz Borges
Luiz Otávio Peçanha
Miguel Hatsumura
Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão

4 comentários:

Marcelo Miguel disse...

Alvaro,
Parabens pela matéria e pelo puxão de orelha na turma. O vinho deve sempre ter o fundo cultural. Resta a nós o trabalho da divulgação.
Lógico que estou muito feliz com o prêmio da Casa Valduga né.
Abraços

Evelyn disse...

Você está rápido hein? Acabo de chegar de Campinas e já posso ler sua deliciosa matéria!
Conforme conversmos lá na MIV, concordo com vc em gênero, número e grau!

Um grande beijo e um brinde(com vinho branco)
Evelyn

Álvaro Cézar Galvão disse...

Marcelo, todos nós que gostamos dos vinhos Brasileiros gostamos, não só você.
A 130 sempre foi um espumante que adoro.
Abraços de luz

Álvaro Cézar Galvão disse...

Evelyn, então voltou hoje né, porque eu voltei no sábado mesmo?
Você sabe que os vinhos bons não têm cor, são bons e pronto, mas os mais frescos como espumantes, brancos e rosados são próprios para serem degustados mais resfriados, paro os dias de calor são tudo de bom.
Beijos de luz